terça-feira, 9 de fevereiro de 2021

Fusca + Spyder? Conheça o Fuspyder do Bonora


Clique acima, coloque em tela cheia e conheça o FUSPYDER

É um Fusca? Não. É um Spyder? Mais ou menos. Blog do Passatão Projetos apresenta mais uma atração para vocês: o FUSPYDER do Rodrigo Bonora.

A idéia surgiu quando Telmo Jr., organizador do Campeonato Gaúcho de Super Turismo, que também abriga carros "silhouette", aventou a realização de uma prova de 24 Horas em Guaporé, para janeiro de 2021. Rodrigo Bonora, experiente piloto e preparador (com passagem por categorias como o antigo Brasileiro de Turismo, hoje Stock Light), teve uma idéia: por quê não criar uma carroceria fechada para colocar sobre um dos seus chassis Aldee Spyder?

Os carros "silhouette" são feitos com chassis tubulares, com "bolhas" (carrocerias) geralmente fabricadas em fibra, imitando o desenho de carros de produção (a Stock Car é um exemplo, porém este ano trocou a fibra por peças de "lata" das carrocerias). A idéia de colocar uma bolha de Fusca sobre um chassi de protótipo lembra bastante os VW Fun Cup, que correm na Europa, inclusive uma prova de 25h no circuito de Spa-Francorchamps, na qual larga o incrível grid de 120 carros que imitam o famoso "besouro".

Este gancho das 24 Horas de Guaporé (que acabou não saindo devido à pandemia do Covid-19) provavelmente serviu de link com a idéia de um "protótipo Fusca", então Bonora passou a trabalhar forte na montagem, na sua oficina, que fica na paradisíaca Garopaba (Santa Catarina), em conjunto com Wilson da WS Fiberglass, responsável pela "carroceria". Já existe mais um modelo semelhante em produção, na cidade de Carazinho (RS), pelo piloto André Senger, e também deverá estrear nesta temporada da Super Turismo.


Fuspyder em ação em Guaporé (Foto: Grégori Dai Pra)

O carro de Bonora estreou no Guaporé Summer Race 2021, prova extra-campeonata da Super Turismo realizada no último sábado (06/02), e perdeu pouco em tempo de volta em relação ao protótipo Spyder com sua bolha original, o que mostra a qualidade do trabalho, virando 1min17s, tempo que ainda deve melhorar com mais desenvolvimento do carro, que deve competir no campeonato.

Na corrida o carro sofreu com problema de embreagem, após a primeira largada ter sido abortada, causando um pitstop e posterior abandono, mas segundo palavras do próprio Bonora (que fez parceria com o piloto Igor Taques): "FICOU ANIMAL DE GUIAR!"

Então, sem mais delongas, clique na janela no topo desta postagem, coloque em tela cheia (botão no canto inferior direito) e conheça mais detalhes dessa obra de arte!

Nenhum comentário:

Postar um comentário